Um vampiro, um lobisomem e uma fantasma dividindo uma casa. Nada mais normal

28 set

Por Thaíza Macedo

A série britânica Being Human conta a história de três criaturas sobrenaturais que tentam seguir com suas vidas, ou pelo menos fazer de suas existências o mais natural possível. O vampiro centenário Mitchell decide parar de matar pessoas para alimento, e sugere a seu amigo George que  procurem um local para viver e dividam o aluguel. George tem um pequeno problema,o qual ele tenta ignorar sempre que pode: todas as primeiras noites de lua cheia ele se transforma em lobo, em um processo doloroso e destruidor. Ao encontrarem o lugar ideal para eles, deparam-se com Annie, uma bela moradora jovem que, feliz ao vê-los, revela que morrera ao cair da escada da residência.

O interessante de Being Human é como a história se desenvolve, o quanto eles precisam se esforçar para se sentirem humanos novamente. Mitchell tem de lidar com sua sede infinita e com sua ex-namorada Lauren, a quem transformou em uma recaída; George, infantil e mandão, quer sempre ser o centro das atenções, colocando sua licantropia (como doença e) sempre em primeiro plano, já Annie tem um simples prazer no pós-vida: ser vista e ouvida por humanos, mas ainda é devotadamente apaixonada por seu noivo Owen, que por sua vez é senhorio dos rapazes e já se casara novamente. Um dos pontos altos é a descrição da transformação de George, que não poderia ter sido feita por ninguém menos que o sangue-frio Mitchell. Após toda uma explicação fisiológica que acompanha o visual, arremata com a frase “é tão cruel que chega a ser… perfeito.” E acaba fazendo o espectador concordar com ele. Essa trama cheia de surpresas e ganchos pelo caminho, aliada aos efeitos e à maquiagem dos atores, é o que prendem o aficionado por ficção, como esta que vos escreve.

———

E você acha que a sua vida é difícil?! Fraco. Brigada pela recomendação, Thata!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: